PORTO SECO EM SINOP

Manter Sinop em desenvolvimento, desde o início da nossa gestão, tem sido uma meta diária. A produção em toda região cresce cada vez mais e alternativas para incentivar a industrialização local se tornam urgentes. É aqui que o Porto Seco em Sinop surge uma como uma excelente opção.

Manter Sinop em desenvolvimento, desde o início da nossa gestão, tem sido uma meta diária. A produção em toda região cresce cada vez mais e, portanto, alternativas para incentivar a industrialização local se tornam urgentes. É aqui que o Porto Seco em Sinop surge como uma excelente opção.

A busca é pelo equilíbrio entre Saúde e Economia, que mantêm fatores como aumento da renda, redução do desemprego, poder de consumo e melhorias na qualidade de vida estáveis. Tudo isso faz de Sinop um bom local para se investir.

São indicadores de desenvolvimento econômico que viabilizam a rota de crescimento. Segundo a Revista Exame (2018), somos a 26ª melhor cidade do País para se investir e o olhar do mundo tem se voltado para cá.

A necessidade de um maior e melhor suporte logístico para a região é eminente. Assim, com o objetivo de agilizar a exportação e importação de produtos, protocolei um pedido junto à secretaria da Receita Federal, em Brasília, para a implantação do Porto Seco em Sinop.

O QUE É UM PORTO SECO?

O Porto Seco, em outras palavras, é um terminal de operações para carga, descarga, armazenagem e movimentação de mercadorias. É controlado pela Receita Federal e auxilia, em muito, na redução de custos para o produtor.

Em um cenário pós-pandemia, essa estrutura será de extrema importância para Sinop. Ocorrerão exportações direto do município, ou seja, não haverá a necessidade de ir até Paranaguá para fazer os trâmites aduaneiros.

Fechou o caminhão e a produção já está pronta para ser exportada. Consequentemente, isso facilita, também, as importações.

QUANDO SERÁ INSTALADO?

A Receita Federal concluiu o estudo de viabilidade e em breve teremos o edital para licitação. Que ocorre junto com a estruturação do novo corredor logístico do Brasil – A Ferrogrão. A região só tem a ganhar, isto é, vai atrair mais recursos e empresas.

São recursos da iniciativa privada, no qual o vencedor da licitação irá comprar a área e construir toda estrutura necessária para o funcionamento. Portanto, é um grande projeto de desenvolvimento que se consolidará no município.

Equilíbrio

Mesmo diante da pandemia, o nosso crescimento é perceptível. Apenas nos cinco primeiros meses de 2020, foram abertas mil e oitenta novas empresas. Atualmente, são mais de 15 mil empresas ativas no município.

E isso é fruto de muito empenho, trabalho e dedicação. Além de, claro, escolhas diárias.

Acompanhe o trabalho daRosana Martinelli

Cadastre seu e-mail para receber nossas últimas atualizações.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Veja mais publicações

Dê um like no facebook

Siga no Instagram

Instagram did not return a 200.

Siga no Twitter